• Twitter
  • Facebook
  • Google+
  • Instagram
  • Youtube

domingo, 7 de setembro de 2014

Quadrilha rouba bilhões em apenas cinco minutos

Sim, apenas cinco minutos foram suficiente para que os deputados aprovassem em carácter de urgência uma medida para que obtivessem aumento salarial.
Nunca na história brasileiro uma medida fora aprovada tão rapidamente. É claro, quando se trata de interesse próprio as coisas funcionam desta maneira, naquela casa.
Como é de conhecimento de todos, deputados, senadores, presidente e vice-presidente, receberão aumento apartir de 2011.
Com um placar de votação em 279 votos a favor e apenas 35 contra e 3 abstenções. O PSOL (Partido Socialismo e LIberdade) foi o único à opor-se ao aumento.
Aumento de quanto?
O aumento representa para os ministros de Estado, que atualmente tem os“menores” salários do grupo beneficiado, R$ 10,7 mil, um reajuste de 149,5%, fora os benefícios. O presidente e o vice, cujo salário é de R$ 11,4 mil, terão reajuste de133,9%. Já os deputados e senadores, que recebem R$ 16,5 mil, terão aumento de61,8%.
Levando-se em consideração que o último reajuste para as classes foi em 2007, o reajuste para parlamentares foi mais de três vezes maior do que a inflação no período e para os ministros chegou a quase oito vezes maior do que o aumento dos preços nestes três anos.
Impacto no orçamento
Números preliminares indicam um impacto de R$ 1,9 bilhão nas Casas Legislativas, uma vez que o salário de deputados estaduais e vereadores varia de 20% a 95% dos proventos de um deputado Federal. O efeito cascata ainda deve existir no Executivo, pois prefeitos e governadores também devem ter reajuste.
Protestos
Um site chamdo Petição Pública está recolhendo assinaturas para um abaixo assinado contra o aumentos dos políticos.

0 comentários:

Postar um comentário

Contact

Get in touch with me


Adress/Street

12 Street West Victoria 1234 Australia

Phone number

+(12) 3456 789

Website

www.johnsmith.com